terça-feira, 22 de Outubro de 2013

O seu a seu dono

 Esclarecimento

Estava eu a procurar na net imagens de potas, para usar num trabalho de caráter estritamente pessoal, que não vai ser publicado em lado nenhum e que se destina apenas ao "meu público familiar", quando encontro a foto da nossa pequenina, que publiquei no meu blog, referenciada como sendo do blog Diário da Cozinha .
Como não sei muito destes assuntos, fiquei surpresa e confusa - O  último post desse blog era de dezembro  de 2012.
Alguém que me esclareça, por favor.

Obrigada, e um abraço.

segunda-feira, 14 de Outubro de 2013

Potas recheadas com camarões

Provas de amor 

Há tantas formas de mostrarmos aos outros o nosso amor, algumas bem simples. Para mim, cozinhar é uma delas. Quando estou a preparar este prato, que é de todos os que costumo  confecionar  cá em casa o que mais trabalho me dá, só penso que é preciso gostar muito da família...
Desta vez, contei com a ajuda da nossa pequenina que, quando me viu a amanhar as potas, foi logo buscar o seu banquinho.  E eu a mandá-la embora, porque aqueles trabalhos não são para crianças tão pequenas, mas ela quando mete uma coisa na cabeça não há quem a faça desistir. 
Sem medo nem qualquer repulsa, pegou nas potas como gente grande e, se eu a deixasse, até era capaz de amanhar uma. 
Acho que já arranjei uma ajudante!
 
Nota: Esta receita foi retirada do  blogue Outras comidas, que muito aprecio  e que acho que devem visitar.

 Ingredientes 

6 Lulas (ou potas) com 1 palmo (o tubo) usei potas,  2 a 3 por pessoa
2 cebolas médias
2+2 dentes de alho
150g de miolo de camarão  usei congelado
1/2 Chouriço alentejano
3+3 colheres de sopa de azeite
Vinho branco, seco
Sal, pimenta preta, pimentão doce, noz moscada e coentros frescos.
Tosta ralada clara

Preparação

Amanhe as lulas deixando a pele e as "barbatanas".


Coza as cabeças durante cerca de 25minutos (40m para as potas). 
Pique uma cebola e dois dentes de alho e refogue-os em 3 colheres de sopa de azeite, junte as cabeças cortadas em pedaços e o chouriço em pequeníssimos cubos, tempere com sal, pimenta preta e pimentão doce e um pouco de noz moscada raspada no momento.
 Envolva e deixe fritar ligeiramente até não sobrar qualquer líquido aquoso.


Junte então o miolo de camarão e os coentros,junte o sumo de limão.
Deixe evaporar o sumo quase completamente e envolva tudo com três colheres de sopa de tosta ralada.


Encha os tubos com este recheio apenas até pouco mais de metade e feche-os com um palito.
Refogue a outra cebola e os alhos no restante azeite. Tempere com sal, pimenta e ponha as lulas recheadas neste refogado.


As lulas reduzem e começam a libertar muito líquido o que deve ser encorajado, picando-as com um palito aguçado, muitas vezes de cada lado para facilitar a saída de líquido.
Esta operação faz-se  até ao fim da confeção. Sempre que este líquido acabar e começar a fritar a lula, junta-se um pouco de vinho para não deixar queimar.
 Ao fim de 20-30 minutos as lulas estão com uma bela cor dourada e já não deitam líquido quando espetadas. O cozinhado está pronto.
 SUCESSO E BOM APETITE!

quarta-feira, 22 de Maio de 2013

Bolo de café

Parabéns, querida Ana!


Hoje faz anos a nossa querida Ana.
A família esteve reunida no passado domingo, mas como dizem que não se deve festejar o aniversário antes da data, não pudemos ainda fazer a festa "cá deste lado". 
Para assinalar este dia, que para mim é tão importante, tomei com os meus amigos das caminhadas um café em sua honra.
Como ela é grande apreciadora desta bebida, daqui lhe envio este bolinho de café.

Ingredientes

2 dl de café de máquina ou de cafeteira
4 colheres de chá de café instantâneo
300 g de farinha  Branca de Neve
250 g de margarina Becel original
5 ovos 
300 g de açúcar 
1/2 colher de chá de essência de baunilha

Preparação

Misture o café em pó com o café e deixe arrefecer completamente.



Bata a manteiga com o açúcar até obter um creme macio e fofo. 


Junte  as gemas uma de cada vez, batendo entre cada adição.


Adicione alternadamente farinha e café em 3 vezes (começar e terminar com a farinha).


Envolva delicadamente na massa as claras batidas em castelo com uma pitada de sal e juntando no final uma colher de sopa de acúcar.


Deite numa forma untada com manteiga e polvilhada com farinha.


Leve ao forno, pré-aquecido a 180º, durante 30 minutos. 

Deixe arrefecer um pouco antes de desenformar, pois este bolo é muito fofo e em quente pode-se partir.

 Cubra o bolo com este creme de café:

 Ingredientes 


 2 chávenas de chá de açúcar em pó
 2 colheres de  chá de café solúvel
 4 colheres de  sopa de água
 20 gr de manteiga 

Preparação 
         
Misture o açúcar em pó com o café em pó instantâneo e a água.

Junte também a manteiga e depois leve num tachinho a aquecer em banho-maria. 

Deverá obter uma mistura lisa e brilhante.

Retire do lume, deixe arrefecer um puco e depois cubra o bolo. 

Enfeite a gosto.
Eu usei uns chocolates com sabor a café, e que parecem grãos de café.

Nota: A massa do bolo foi inspirada nesta receita com algumas alterações   da minha autoria.
   Quanto à  cobertura, não registei a origem, mas prometo fornecer essa informação logo que dela disponha.

SUCESSO E BOM APETITE!

 



terça-feira, 14 de Maio de 2013

Pão de milho com queijo feta e azeitonas

Mudam-se os tempos...


Agora, quando quero determinada receita, já não me  basta procurar nos meus livros, cadernos ou dossiers - onde guardo incontáveis recortes de revistas com receitas que, provavelmente, nunca irei experimentar.
Agora,  " vou ver na net." 

Tinha visto, num programa de televisão, uma cozinheira norte americana apresentar um pão de milho que achei que devia ser bom, mas  não consegui registar a receita. Então, fui procurar na net. Encontrei, neste blogue , esta receita de pão de milho, que já repeti várias vezes, porque a minha família adorou... 
 


 Ingredientes

2 chávenas de café de farinha de milho

1 chávena de café de farinha de trigo

3 ovos

1 chávena de café de iogurte natural

3/4 chávena de café de óleo (de milho ou girassol)

1 colher de sopa de fermento em pó (usei uma colher de sobremesa)

sal  (não usei)

1 chávena de café de queijo feta esmagado

1/2 chávena de café de azeitonas pretas descaroçadas e cortadas às rodelas

1 colher de chá de sementes de sésamo preto para polvilhar  (não usei)

Preparação

Bata os ovos e adicione os restantes ingredientes. 


Misture bem. 


Unte com óleo e polvilhe com farinha uma forma redonda de pirex (de preferência). 


Coloque a massa na forma e polvilhe com sésamo preto.

Leve a cozer em forno pré-aquecido a 150º durante cerca de 30 minutos.

 Nota: A chávena que usei tinha 1dl de capacidade.

A primeira vez que fiz este pão segui a receita, mas das outras vezes dupliquei as doses e usei uma forma de bolo inglês, também de pirex. 


 SUCESSO E BOM APETITE!

quinta-feira, 2 de Maio de 2013

Bolo de chocolate da Carmo

Voltei!

 Depois de tão longa, e imperdoável, ausência nada melhor, para me redimir, que vos "servir" um docinho.
Esta receita foi dada à minha irmã, há muitos anos,  por uma colega de trabalho, a Carmo. O tempo passou, e não sei o que foi feito da Carmo. Talvez nos tenhamos cruzado, por aí, sem nos reconhecermos. A receita do seu bolo de chocolate, que tem o seu nome, e que guardo num dos meus caderninhos, traz-me à memória vagas lembranças do seu, então, jovem rosto.
Há muito tempo que não fazia este bolo, e a última vez que tentei fazê-lo não fui bem sucedida. Como sei que a família gosta deste tipo de bolos, voltei a tentar  e, desta vez, correu bem.



 
 
Ingredientes
 
Bolo
 
4 ovos
1 chavena de chá de óleo  usei óleo Fula
1 chavena de açúcar branco
1 chavena de farinha  usei Branca de Neve com fermento
2 chavenas de chocolate em pó 
1 chavena de água a ferver
 
Molho para  ensopar o bolo
 
8 colheres de sopa de leite
2 colheres de sopa de manteiga
4 colheres de sopa de chocolate em pó
 
Preparação
 
Bata os ovos inteiros com todos os ingredientes exceto a água a ferver, que se junta só no fim.
 
Nota: A receita manda bater ligeiramente, depois de se juntar a água, mas eu bati com a batedeira como fiz antes com os outros ingredientes.
 
Deitar a massa num tabuleiro, que possa ir à mesa, untado com manteiga.
 
Levar ao forno à temperatura de 180º C por cerca de 20mn ou até o bolo estar cozido, pois depende do forno.
 
Preparar o molho levando ao lume  todos os ingredientes.
 
Quando o bolo estiver cozido, ainda na forma, ensopar com  o molho quente.
 
Deixar arrefecer, levar ao frigorífico e servir frio, decorado a gosto.
 
Nota: O nosso bolo foi enfeitado com morangos frescos,  pela nossa pequenina, com a ajuda do tio.
 
 
SUCESSO E BOM APETITE!

terça-feira, 25 de Dezembro de 2012

Salame de chocolate


Uma prenda especial, para um  Natal muito doce 

Boas Festas!

Cá em casa,  no Natal, os doces tradicionais desta quadra festiva correm o sério risco de serem destronados pelos   doces preparados com chocolate.
A musse bomba, o tronco de Natal, com a sua espessa cobertura de chocolate, o flan de chocolate e canela... já  conquistaram um lugar de destaque, tendo-se mesmo tornado  indispensáveis.
Este ano, vou juntar à lista o salame de chocolate que, posso desde já garantir, sem medo de me enganar, vai passar a fazer parte das "exigências familiares" para figurar na nossa "mesa natalícia".
Esta  receita foi retirada desta página e apresentada à famíla, com grande sucesso,  no princípio deste mês.
Por ser usado chocolate em barra, em vez do habitual chocolate em pó, este salame fica realmente muito, muito bom!
Experimentem levá-lo como prenda de natal para a casa onde forem passar as festas ou simplesmente oferecê-lo a quem seja apreciador deste doce.
 
"Salame de chocolate de culinária"


Ingredientes

200g de chocolate de culinária
1 pacote e meio de bolachas Maria
120g de manteiga de culinária
180g de açúcar 
usei acúcar amarelo
3 ovos
Papel de alumínio

Preparação

Derreta o chocolate com a manteiga em banho-maria.  junte a manteiga só depois do chocolate já estar derretido para que a manteiga não fique líquida
 
Junte o açúcar e deixe arrefecer.

À parte, vá desfazendo as bolachas em pequenos pedaços.

Quando o chocolate estiver quase frio junte os ovos e envolva tudo muito bem.

Por fim junte as bolachas, misture bem com as mãos e molde o preparado no papel de alumínio e leve ao frigorífico.


 Nota: Esta receita resulta num salame bastante grande que pode ser dividido em dois.
Pode embrulhá-lo com papel de outros presentes. Este foi embrulhado com o  material usado nos ramos de flores e que eu tinha guardado.
 
SUCESSO E BOM APETITE!

segunda-feira, 19 de Novembro de 2012

Bacalhau com grelos e broa

O Natal está quase aí
 
Mais um prato de bacalhau que fica e sabe bem em qualquer época do ano, mas que agora vos apresento como sugestão para a ceia de Natal.
Como costumamos comer bacalhau no São Martinho, no nosso almoço de domingo,  resolvi experimentar, com algumas alterações, esta receita,  da Filipa Vacondeus, que passou  na RTP.
A ideia da cobertura  de broa com farinheira  surgiu duma sugestão do Chef José Avilez (que usou alheira na sua receita).
Ficou tão bom, que quase todos esqueceram que era preciso guardar um "espacinho para os doces" e comeram um pouco mais...
 
 
    
INGREDIENTES

5 lombos de bacalhau
1/2 l de molho béchamel
1 broa de milho
1 farinheira
1 molho de grelos
2 cebolas
2 dentes de alho
1/2 dl de azeite
1 folha de louro
sal
pimenta
vinagre

 
PREPARAÇÃO

Coza o bacalhau.

 Reserve um pouco da água da cozedura.
 Limpe o bacalhau de peles e espinhas e abra-o em lascas grandes.
 Num tacho largo refogue as cebolas com 2 dentes de alho esmagados, a folha
de louro e o azeite.
 Junte um pouco da água de cozer o bacalhau para que a cebola  fique bem
cozida.
Prepare o molho bechamel, ou use molho já feito, e tempere-o com pimenta e

noz-moscada.

Deite o bacalhau no tacho, mexa bem e junte o molho bechamel.

 Arranje, lave e coza os grelos.
 Coza a farinheira e desfaça-a rejeitando os pedaços de gordura maiores e mais
rijos.
 Abra a broa, retire-lhe o miolo, desfaça-o e junte a farinheira. Misture bem.
 Regue o fundo de uma assadeira com um fio de azeite,  salpique com um pouco 
de vinagre e disponha os grelos,  deite por cima o preparado do bacalhau.
 Polvilhe generosamente com a mistura de broa e farinheira e leve ao forno a
alourar.
Nota: Pode acompanhar com batatas cozidas ou assadas com pele.
SUCESSO E BOM APETITE!